Brasil fica sem representantes no qualifying do Australian Open

Por Bola Amarela - Janeiro 13, 2021
joao-menezes

Thiago Monteiro, número um do Brasil, vai mesmo ser o único representante do país irmão nos quadros principais de singulares do Australian Open 2021, depois de esta terça-feira João Menezes e Felipe Meligeni terem sido derrotados na segunda ronda da fase de qualificação, que está a decorrer em Doha, no Qatar, por causa da pandemia.

Menezes, número 193 do ranking ATP, foi derrotado pelo holandês Botic van de Zandschulp (156.º), por 6-3, 6-7(1) e 6-4, numa batalha que ultrapassou as três horas, ao passo que Meligeni (230.º e a estrear-se em Grand Slams) perdeu com o checo Tomas Machac (197.º e carrasco de João Domingues na primeira ronda), por 6-1 e 7-6(4), em 1h33.

Recorde-se que o Brasil será ainda fortemente representado pelo seu contingente de jogadores de duplas.

 

Bola Amarela