Bonzi assume peso das expectativas: «É muito difícil jogar em França…»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Julho 15, 2022

Benjamin Bonzi é, nos dias que correm, o segundo jogador francês mais bem colocado no ranking ATP. O gaulês ocupa o 48.º posto da hierarquia mundial masculina, apenas atrás de Gael Monfils (21.º). Ora, trata-se de algo positivo… mas que o deixa a sentir um peso muito grande nos ombros.

“É difícil jogar em França. Muita gente espera grandes coisas de ti, tens de ser muito bom. Houve uma grande geração no nosso país, com Tsonga, Gasquet, Monfils e Simon. Agora somos nós que temos de assumir a liderança. Não sei se seremos capazes de fazer meias-finais e finais, mas temos de conseguir bons resultados”, confessou.

Bonzi, que venceu seis títulos Challenger em 2021, continua a tentar dar passos em frente e explica o que fez diferente. “Mudei muitas coisas há três anos, sobretudo nos treinos. Agora está tudo a funcionar, assim não temos de mudar mais grande coisa, é só dar continuidade. Tento ser mais consistente com o meu serviço e ser mais agressivo na primeira pancada. Sei que a minha resposta é boa e que tenho de ser mais agressivo”, sublinhou.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.