Bia Maia entusiasmada com o início de 2022: «É bom começar com torneios fortes»

Por Bola Amarela - Dezembro 28, 2021
bia-maia

Recém-regressada ao top 100 mundial, Beatriz Haddad Maia está pronta para um início de temporada exigente na Austrália. A tenista paulista já está garantida no quadro principal do Australian Open, que começa no dia 17 de janeiro, Bia disputa já na próxima semana um WTA 250 em Melbourne, e depois joga o qualifying do WTA 500 de Sydney. A número 1 do Brasil e 83.ª do ranking mudial embarcou na última segunda-feira para a Austrália e já aterrou em Melbourne.

“Tive três semanas intensas de treinos em São Paulo e terei mais uma na Austrália, antes de começar a competir nos torneios. Estou feliz por começar o ano em três torneios fortes. A continuação do calendário veremos depois, mas por enquanto são esses torneios”, explicou Bia Haddad Maia, que volta a disputar um quadro principal de Grand Slam pela primeira vez desde 2019 em Wimbledon, quando derrotou a espanhola Garbiñe Muguruza na primeira ronda (perdeu na 2.ª eliminatória com Harriet Dart).

Bia disputou 101 encontros na última temporada e obteve 76 vitórias, o que a ajudou a recuperar muitas posições no ranking. A brasileira começou 2021 a ocupar apenas o 359.º lugar do ranking. Para 2022, definiu como metas continuar com o corpo saudável e disputar mais torneios de alto nível. A paulista de 25 anos fará sua terceira participação no quadro principal do Australian Open, tendo atingido a segunda ronda tanto em 2018 quanto em 2019.

“A minha expectativa para o Australian Open é estar saudável e conseguir jogar sendo eu mesma e não focando no que se passa fora de campo ou do outro lado da rede. Acho que, cada vez mais, eu e a minha equipa estamos a entender que é Bia contra Bia, não Bia contra as outras meninas. A partir daí tenho de escolher as jogadas, ter as coisas claras, ter um alto nível de concentração e executar o meu nível de ténis, que está alto e que venho a trabalhar muito”.

Bola Amarela