Auger-Aliassime: «É uma grande notícia estar entre os 20 melhores tenistas do mundo»

Por Tiago Ferraz - Fevereiro 26, 2020
auger-aliassime
Mandatory Credit: Eric Bolte-USA TODAY Sports – 13170899

O tenista canadiano Felix Auger-Aliassime estreou-se no ATP 500 de Acapulco com uma vitória diante Alex Bolt e joga agora com o britânico Kyle Edmund nos oitavos-de-final.

No final do encontro, Felix Auger Aliassime falou do bom momento que atravessa em conferência de imprensa:

«Consegui bons resultados, estas duas últimas semanas foram incríveis para mim, mas é igualmente divertido começar um novo torneio num lugar diferente. Quero voltar a dar o melhor de mim, quero aproveitar este momento e ir em busca dos objetivos», revelou.

O jovem tenista canadiano recordou ainda um conselho do campeoníssimo suíço Roger Federer:

«Recordo-me de um treino que tive no Dubai há três anos com o meu ídolo Roger Federer. Foi uma grande experiência, ele foi um dos primeiros jogadores que comecei a observar desde pequenino, ele ajudou muito para que o ténis crescesse para um nível superior. Ele aconselhou-me a ter paciência, a dar tempo ao tempo e disse para fazer bem as coisas. Não foi nada de especial, mas dito por alguém como ele foi um privilégio», afirmou o canadiano.

O número 19 do ranking mundial mostra-se feliz por já estar entre a elite do ténis mundial:

«É uma grande notícia estar dentro dos 20 melhores tenistas do mundo, embora ainda não tenha conseguido vencer um título. O que tenho feito é crescer como pessoa, aprendi muito com as derrotas e também com os meus treinadores e com a minha família. No geral, eu penso que sou melhor pessoa depois destas lições. Vou sempre à procura da perfeição, mas isso só é possível com o máximo de esforço. Por isso, trabalho para dar o melhor de mim todos os dias é esse o meu estilo de vida», salientou, citado pelo Punto de Break.

Felix Auger-Aliassime falou ainda da sua estreia no ATP 500 de Acapulco diante de Alex Bolt:

«Tive um adversário muito difícil. Penso que não estive, de todo, sólido nas trocas de bolas, estava num court novo, bolas diferentes e, além disso, ele serviu muito bem e deixou-me em dificuldades. Tenho que treinar um pouco mais para ganhar essa consistência e ser mais agressivo com a minha pancada de serviço. As coisas correram bem, no segundo set encontrei o que procurava, mas tenho que melhorar», salientou.

O encontro entre Felix-Auger Aliassime e Kyle Edmund vai jogar-se já esta quarta-feira.

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.