Comentador despedido por comparar Venus a um gorila processa ESPN

Doug Adler, o comentador televisivo despedido pela ESPN por ter comparado a expressão corporal de Venus Williams à de um gorila, durante o Open da Austrália, abriu um processo contra a cadeia norte-americana, avança a própria ESPN.

O comentador de 59 anos considera ter sido despedido sem justa causa, assegurando que a expressão usada para descrever o estilo agressivo da norte-americana de 36 anos foi “guerilla” e não “gorilla”, palavras que se pronunciam de forma semelhante.

Adler reforça o pedido de desculpas, feito publicamente após o sucedido, mas recusa ficar de braços cruzados perante uma situação que considera injusta. Pede, por isso, ao Tribunal Superior de Los Angeles que seja indemnizado (sem referir valores) pelo “sofrimento emocional” de que tem sido vítima e por ter sido erroneamente acusado de racismo, perdendo outras oportunidades de trabalhar em televisão.

https://twitter.com/PinaCocoblog/status/821839791490625537?ref_src=twsrc%5Etfw

 

Sobre o autor
- Descobriu o que era isto das raquetes apenas na adolescência, mas a química foi tanta que a paixão se mantém assolapada até hoje. Pelo meio ficou uma licenciatura em Jornalismo na Escola Superior de Educação de Viseu e um Secundário dignamente enriquecido por cadernos cujas capas ostentavam recortes de jornais de Lleyton Hewitt. Entretanto ganhou (algum) juízo, um inexplicável fascínio por esquerdas paralelas a duas mãos e um lugar no Bola Amarela. A escrever por aqui desde dezembro de 2013.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *