Isner dispara 64 ases e volta a fazer história em Wimbledon

John Isner parece destinado a fazer história em Wimbleodn, mesmo que isso implique salvar match points, como aconteceu nesta quarta-feira. O norte-americano de dois metros e oito centímetros derrubou Ruben Bemelmans por 6-1, 6-4, 6-7(6), 6-7(3), 7-5 a caminho da terceira ronda, num encontro em esteve à beira da derrota em duas ocasiões e em que disparou 64 ases.

Com este registo, Isner torna-se no terceiro jogador que mais ases arremessou no Grand Slam inglês num encontro. Quem ocupa o primeiro lugar da lista. Alguém de seu nome… John Isner. Nem mais. No seu embate com Nicolas Mahut, em 2016, o número 10 mundial fez 113 ases, ao passo que o francês disparou 103, seguindo como o segundo jogador com mais ases da história em Wimbledon.

na terceira ronda, isner vai defrontar Radu Albot, número 98 da classificação.

 

Sobre o autor
- Artigo escrito ou editado pela equipa de redação.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.