Zverev sem dúvidas: «Espero e desejo que eu, Djokovic e Medvedev continuemos a dominar»

Por Nuno Chaves - Dezembro 31, 2021

Alexander Zverev entra em 2022 com a clara expetativa de conquistar títulos do Grand Slam e de confirmar o grande nível demonstrado na última época.

O alemão vai iniciar a temporada na ATP Cup e o sentimento do número três mundial é de tudo comece depressa. “Estou ansioso pelo início da temporada, a verdade é que pude trabalhar bem nas últimas semanas e tenho muitas expetativas do que posso conseguir este ano”, afirmou na antevisão à competição.

E o desejo de Sascha é que 2022 seja… o melhor de sempre. “A segunda metade da temporada passada foi dominada pelo Novak, Daniil e eu. Espero e desejo que continue a ser assim durante todo o 2022 porque considero que pode ser a melhor temporada da minha carreira”, disparou o germânico.

Zverev também falou do quão preparado está para lidar com a pressão e deu o exemplo de anos anteriores da sua carreira. “Quando ganhei as ATP Finals em 2018 não estava preparado para me consolidar ao mais alto nível, era demasiado jovem e não creio que com 21 anos conseguisse propor a vencer o que quero agora”.

“Sinto que sou um jogador muito distinto ao de 2019 mas também melhorei como pessoa. Todas as experiências que vivi em court e fora dele fizeram-me aprender muito e agora sei como gerir a pressão, sei a forma como tenho de tratar com a imprensa e sinto-me mais cómodos em todos os aspetos”, concluiu.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.