Zverev: «A diferença entre mim e outros jovens é que eu tenho de jogar para 20 mil pessoas»

Por Nuno Chaves - 24 Agosto, 2019
alexander-zverev

A época está a ser para Alexander Zverev esquecer. O tenista alemão tem estado bem longe da forma apresentada nos primeiros anos ao mais alto nível e surge agora no US Open com a esperança de poder apresentar o ténis a que já nos habituou.

O jovem de 22 anos, ainda assim, tentou desvalorizar a situação. “Há muitas coisas que tenho de fazer que ainda não fiz nos últimos anos, por isso, essas situações são todo um novo processo. Ainda sou muito jovem, tenho apenas 22 anos. Ainda há muita coisa que tenho de aprender. Não só no court como na vida em geral”, confessou o germânico.

“Acho que essas coisas todos os jovens têm de passar. A única diferença entre mim e os outros jovens é que eu tenho de jogar para 20 mil pessoas. É um pouco de pressão extra. Talvez seja por isso que os resultados não estejam a ser tão bons como eu queria”, admitiu Zverev, que tem uma estreia complicada na primeira ronda do US Open: defronta o moldavo Radu Albot.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.