Toni Nadal arrasa NextGen: «É preciso dizer-lhes que não bons o suficiente»

Por José Morgado - 12 Julho, 2019

Toni Nadal, tio e antigo treinador de Rafael Nadal, atualmente à frente da sua Academia em Maiorca, escreveu esta sexta-feira mais uma coluna de opinião no jornal ‘El País’, onde lança o encontro entre Rafa Nadal e Roger Federer das meias-finais de Wimbledon. O técnico aproveitou para tecer fortes críticas à nova geração do ténis mundial, que lamenta continuar a não conseguir impor a sua qualidade.

“Estamos a pagar o preço de termos sido demasiado cuidadosos e condescendentes com os jovens. Andámos anos a justificar as falhas deles como tendo sido fruto de pouca sorte. Temos de ser capazes de dizer aos jovens que não são bons o suficiente e que os courts em mau estado ou as raquetas mal encordoadas já são bem mais do que aquilo que merecem. Se há um dia em que não sentem bem a bola têm de arranjar na mesma uma solução para ganhar”, disparou o espanhol.

Toni compara ainda com os principais jogadores mundiais. “Há dias em que Federer, Nadal, Djokovic ou Ferrer não jogam bem, não se sentem ao seu melhor nível. Só que nesses dias eles ganham na mesma. Tirando o Thiem e um ou outro, os mais jovens continuam a ficar longe dos outros no que diz respeito à mentalidade, ao compromisso e à paixão.”

 

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.