Sandgren viajou para a Austrália apesar de testar positivo para a covid-19

Por José Morgado - Janeiro 14, 2021
sandgren

Tennys Sandgren, duas vezes quartofinalista do Australian Open (2017 e 2020), causou polémica esta quarta-feira ao final da noite, ao viajar para Melbourne apesar de ter testado positivo para a covid-19. O anúncio foi feito pelo próprio nas redes sociais, que depois de lamentar que não poderia viajar para Melbourne, surpreendeu tudo e todos ao revelar que estava… dentro do avião rumo à Austrália.

O protocolo do Australian Open é claro, obrigando a que um tenista tenha um teste PCR negativo nas 48 horas antes do voo, mas a situação de Sandgren foi revista por ser bastante específica. O norte-americano teve a doença em finais de novembro e a análise mostra que o seu positivo está relacionado com isso e não com o facto de neste momento estar infetado.

O Australian Open viu-se obrigado a esclarecer a situação em comunicado, num dia igualmente marcado pelos testes positivos de Andy Murray e Madison Keys.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.