Rublev: «O ténis pode dar o exemplo para desligar o desporto da política»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Agosto 3, 2022

Andrey Rublev tem sido um dos tenistas russos a falar de forma mais aberta sobre a invasão que as forças do seu país estão a levar a cabo na Ucrânia. O número oito do ranking ATP escreveu logo numa câmera a expressão “parem a guerra” e tem mencionado várias vezes a necessidade de haver paz, sendo que agora voltou a ser questionado sobre as questões políticas no ténis.

“Claro que a política sempre esteve no desporto. Mas se nos mantivermos unidos e fizermos as coisas pela paz, o ténis pode dar o exemplo para desligar o desporto da política. O ténis pode estar separado da política porque o ténis é independente. Temos jogadores de todo o Mundo, viajamos por todo o lado. Pelo menos acredito nisso”, atirou em Washington.

Recorde-se que Rublev foi um de vários tenistas russos e bielorrussos que se viram impedidos de disputar o torneio de Wimbledon devido à guerra na Ucrânia.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.