Preparador físico de Federer e o regresso à terra: «É como um miúdo no primeiro dia de escola»

Por José Morgado - 1 Maio, 2019
federer-terra

Roger Federer, número quatro do ranking mundial, regressa na próxima semana à terra batida três anos depois de ter jogado na superfície pela última vez. O suíço de 37 anos tem sido acompanhado de perto pelo seu preparador físico, Pierre Paganini, que acredita que o helvético estará pronto para se exibir a bom nível.

“O Roger parece um miúdo no seu primeiro dia de escola. Está muito feliz, muito ansioso e muito entusiasmado. A ambição que ele apresenta é impressionante e os grandes resultados podem surgir a qualquer momento e em qualquer superfície. O meu trabalho é fazer com que ele chegue da melhor forma a 5 de maio, véspera do arranque da competição”, assumiu em declarações ao site ‘Ubitennis’.

E que partes do corpo sofrem mais em terra? “Há músculos que ele vai usar mais e que há muito não utilizava tanto. Os quadriceps e os adutores. Os joelhos sofrem menos em terra, por exemplo. Isso explica também a razão pela qual o Nadal aguenta tantos encontros em terra e desiste tantas vezes em provas de piso rápido e relva…”

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.