Patrick McEnroe e 2021: «Nunca podemos dizer que Federer está acabado»

Por Tiago Ferraz - Dezembro 11, 2020
federer-rf

Patrick McEnroe, um dos antigos melhores tenistas de pares que chegou a ser número 3 mundial, foi citado pelo Tennis World onde fala sobre o regresso de Roger Federer à competição em 2021 e deixa “aviso”:

“Nunca me atreveria a dizer que Roger Federer está acabado. Ainda assim devemos ser realistas de todas as formas possíveis e nesse sentido parece que tudo é mais complicado para ele do que era antes sobretudo se olharmos para Novak Djokovic e para Rafael Nadal, que continuam a jogar bem e ao mais alto nível”, disse.

Patrick McEnroe fala ainda de quem estará na luta pelos lugares cimeiros em 2021:

“Todos os ‘perseguidores’ de Djokovic e Nadal, Thiem e Medvedev por exemplo, tiveram um ano positivo em que conseguiram melhorar e conseguir ter grandes atuações. Estes tenistas serão mais difíceis de vencer do que na altura em que Federer deixou de jogar. Nesse sentido o desafio para ele é enorme, mas eu também estou de acordo no sentido em que se o Federer regressa aos courts é porque acredita que pode competir com os melhores”, salientou.

Recorde-se que o suíço Roger Federer não joga desde o Australian Open de 2020, mas tem tido tem vivido dias felizes fora dos courts depois de durante a última semana ter anunciado e apresentado os seus bonés com a sua marca registada depois de ter vencido uma longa batalha judicial contra o seu anterior patrocinador.

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.