OFICIAL: não-vacinados podem jogar Australian Open, mas têm de cumprir 14 dias de quarentena dura e viver na bolha

Por José Morgado - Outubro 24, 2021
Australian-open

Chegaram ao fim as incertezas em torno do Australian Open. O primeiro Grand Slam de 2022 vai mesmo acontecer em Melbourne Park e será aberto a todos os jogadores — vacinados ou não vacinados — mas com condições totalmente distintas para cada ‘tipo’ de participante. Segundo uma carta enviada pelos circuitos aos jogadores, da qual consta informação até agora confidencial e que vai ser confirmada em breve pelo Governo australiano.

Na carta, é confirmado que os jogadores e jogadoras vacinados vão poder participar no torneio sem qualquer tipo de limitações, quarentena ou bolha, ao passo que os jogadores que não se vacinaram terão de passar por uma quarentena de duas semanas agressiva (sem saídas do hotel nem possibilidade de treinar) e viverão dentro de uma bolha, monitorizados pela organização da competição.

VACINADOS:

— Podem chegar a partir de 1 de dezembro

— Têm de apresentar teste negativo nas 72 horas anteriores

— Não têm qualquer tipo de restrição ou bolha a partir daí

NÃO VACINADOS:

— Podem chegar a partir de 1 de dezembro

— Estão sujeitos a duas semanas de quarentena rígida

— Terão de ser testados e monitorizados regulamente

A informação divulgada aos jogadores este domingo confirma ainda que a fase de qualificação será jogada em Melbourne, ao contrário do que estava inicialmente previsto — e do que aconteceu em 2021.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.