O adeus do Dr. Ivo: Karlovic vai colocar um ponto final na carreira no US Open

Por Pedro Gonçalo Pinto - Julho 18, 2021
ivo-karlovic

Há poucos dias, Ivo Karlovic garantiu que não se sente velho e que continua entusiasmado por competir no circuito ATP, mesmo que hoje em dia tenha 42 anos. No entanto, o ponto final de carreira do croata está mesmo ao virar da esquina. É que Karlovic vai fazer o seu último torneio de sempre neste US Open, segundo revelou o diretor do torneio de Los Cabos, no qual King Karlo irá entrar em ação com um convite da organização: vai defrontar Jordan Thompson na primeira ronda.

“Ivo Karlovic disse-nos que se vai retirar no US Open e nós estamos muito agredecidos a ele. Temos muito carinho por ele por ter sido o nosso primeiro campeão. É bom e merecido ter uma despedida assim”, explicou Geoffrey Fernández, diretor do torneio mexicano que o gigante de 2,11 metros conquistou em 2016, curiosamente o último troféu que ergueu.

Karlovic deixa um legado de ‘bom gigante’, tendo em conta o respeito que foi reunindo por todo o circuito, enquanto o serviço era claramente a sua principal arma, claramente a torná-lo famoso. Não foi por acaso que chegou a ser o 14.º do ranking ATP, então em 2008, enquanto ainda se mantém como o líder de ases na história, ao ter assinado 13.563 até agora, tendo ainda uma boa margem para o segundo classificado: John Isner já disparou 12.711 ases.

Além disso, Karlovic chegou a ser dono e senhor do serviço mais rápido do circuito, quando disparou uma bomba a 215 km/h, até ser ultrapassado de forma não oficial por Sam Groth, enquanto Isner lhe roubou oficialmente a marca em 2016. Por outro lado, chegou a bater o número um Roger Federer no Masters 1000 de Cincinnati, enquanto tem uns quartos-de-final de Wimbledon, em 2009, como melhor resultado da carreira num torneio do Grand Slam.

Pedro Gonçalo Pinto