No dia seguinte ao funeral do pai, Bautista vai a jogo, ganha e deixa Espanha à beira do título

Por Nuno Chaves - Novembro 24, 2019
bautista

MADRID. ESPANHA. Três dias depois do falecimento do pai e no dia seguinte ao funeral, Roberto Bautista Agut regressou à seleção espanhola e deu vantagem à Espanha, no primeiro jogo da final da Taça Davis frente ao Canadá.

Num encontro em que teve pela frente o jovem de 19 anos Felix Auger-Aliassime – realizou o seu primeiro jogo da semana -, o número 9 ATP impôs-se com os parciais de 7-6(3) e 6-3, naquele foi um daqueles jogos onde a experiência se sobrepôs à irreverência.

Bautista Agut provou o porquê de ser um jogador de top 10, conseguiu anular grande parte dos ataques de Auger-Aliassime, que foi perdendo confiança na sua pancada de direita, à medida que o encontro avançava.

A Espanha está a uma vitória de conquistar a sexta Taça Davis da sua história: está nas mãos de Rafa Nadal, que vai ter pela frente Denis Shapovalov.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.