Navratilova arrasa Djokovic: «Se queres ser um líder tens de ser um exemplo»

Por Bola Amarela - Janeiro 12, 2022
martina-navratilova

Martina Navratilova não tem meias palavras para abordar a situação que Novak Djokovic está a viver na Austrália. Mesmo com todas as dúvidas que vão resistindo tanto de um lado como do outro, para a antiga número um do mundo está tudo muito claro na hora de dar a opinião relativamente a este tema.

“O que desejaria é que Novak estivesse vacinado. Admiro-o muito e defendi-o muitas vezes, mas não posso defender a decisão de não se vacinar. Se recusas porque a desconheces ou não acreditas nela, ainda assim deves fazer um pequeno sacrifício pelo bem-estar de todos. Se queres ser um líder, tens de ser um exemplo e esse exemplo baseia-se em fazer o que é bom para o bem comum. Tudo isto podia ter sido evitado”, afirmou no programa ‘Good Morning Britain’.

Navratilova entende que Djokovic tem muitas questões com a sua condição física e o seu corpo, mas reforça o facto de não compreender a decisão de não se vacinar. “Djokovic sempre foi muito estrito com a sua dieta e isso tudo, e admiro-o porque sei o que é preciso para se esforçar tanto nesse sentido. Mas neste caso eu ia para a fila para me vacinar e não via a hora de a ter. Teria mais medo de ficar doente por não me vacinar do que pelos efeitos secundários. É um desporto egoísta, sim, mas é muito importante ter consideração pelos outros”, atirou.

Bola Amarela