Murray oferece bilhete a fã para a sua estreia em Melbourne

Por Bola Amarela - 11 Janeiro, 2019

O protagonista é o mesmo, a notícia é que é outra. Numa altura em que se fala (e se tenta ainda digerir) o triste e lamentável anúncio do fim de carreira de Andy Murray, é o outro lado de um dos maiores campeões que o ténis já teve que importa destacar. Antes da conferência de imprensa em que confessou que as dores na anca não o permitem competir por muitos mais meses, o britânico de 31 anos foi protagonista de um gesto absolutamente admirável, ao convidar uma fã para assistir à sua estreia em Melbourne, depois de algumas trocas de mensagens.

Jordyn Kollmorgen, de 18 anos, assistiu ao seu treino, num dos curts principais do Open da Austrália, registando o momento na sua conta do Instagram, com uma bonita e emotiva mensagem. “Ainda estou em choque por finalmente conseguir ver o homem por detrás do meu amor pelo ténis. Se não fosse pelo Andy, ainda estaria em casa a questionar a minha mãe sobre a razão que a leva a seguir um desporto tão chato. Foi o Muzza [alcunha de Murray] que me mostrou como o ténis pode realmente ser divertido, e agradeço-lhe por isso com todo o meu coração”.

Palavras que acertaram em cheio no vulnerável coração de Murray. “Desculpa por não ter sido mais divertido hoje. Obrigado pelo apoio”, desculpou-se o campeão de três títulos do Grand Slam, oferecendo-se par dar um bilhete à jovem fã australiana para assistir ao seu primeiro encontro no Open da Austrália. “Se quiseres assistir ao meu encontro de segunda ou terça eu, dou-te um bilhete”, escreveu o ex-número um mundial.

View this post on Instagram

@andymurray is all class 🙏

A post shared by Australian Open (@australianopen) on

Nem sempre bem visto pelo seu temperamento impulsivo no court, Murray é, inegavelmente, um dos jogadores mais autênticos e com maior coração do ténis atual. Esta é apenas uma pequena amostra.