Mãe de Tsitsipas confessa: «O meu filho talvez precise de encontrar o amor»

Stefanos Tsitsipas, o primeiro cabeça-de-série das ATP NextGen Finals, é um menino muito especial. O jovem grego, que aos 20 anos já é top 15 mundial, vai jogar esta sexta-feira as meias-finais em Milão na ressaca de uma época de luxo, onde brilhou dentro do court mas também fora dele, através dos seus vlogs e da sua página de fotografia no Instagram.

Julia, a sua mãe, que é russa, admite que tem um filho muito diferente em casa. “O meu filho é muito maduro, muito especial. Fisicamente e mentalmente impressiona-me muito de cada vez que sobe ao court. É claro que algumas vezes ainda reage de forma algo infantil aos desapontamentos. Talvez precise de encontrar o amor e a felicidade na vida privada, pois ainda é solteiro. Essa felicidade pode dar-lhe um extra de motivação e força para aquilo que faz dentro do court. Isso nunca deve ser subestimado”, lembra durante uma longa e muito interessante entrevista ao Sport 360, na qual também participou o pai (e treinador) de Stefanos, Apostolos.

A mamã Tsitsipas assume não ser tão filosófica como o filho. “Sou mais prática, sempre fui, mas o Stefanos sempre sentiu que tinha de ser mais do que um jogador de ténis. Ele gosta de dar mais aos seus fãs do que o básico”.