Longe do US Open, Tsonga foi jogar um Challenger e conquistou o título… em 43 minutos

Por Nuno Chaves - Setembro 8, 2019

Longe do Open dos Estados Unidos, prova onde foi eliminado logo na primeira ronda, Jo-Wilfried Tsonga não quis ficar parado e optou por jogar… um Challenger. Se a decisão acaba por ser surpreendente, já que o gaulês é um jogador que compete no circuito ATP, a verdade é que a estratégia correu na perfeição.

Tsonga, que jogou o Challenger de Cassis, venceu este domingo a final do torneio ao bater o israelita Dudi Sela por uns expressivos 6-1 e 6-0 em apenas 43 minutos de jogo.

O francês, de 34 anos e que ocupa o 65.º lugar do ranking mundial, venceu o seu primeiro torneio desta categoria desde 2007 e tem garantida a reentrada no top 60 na próxima atualização desta segunda-feira e, acima de tudo, reencontra confiança para jogar os últimos dois meses da temporada.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.