Kokkinakis superou depressão: «Ficava fechado em casa e não parava de chorar»

Por Bola Amarela - Março 3, 2021
kokkinakis

Thanasi Kokkinakis é uma verdadeira história de luta. O australiano tem apenas 24 anos mas já passou por uma série de lesões que o afastaram do circuito, até que agora está finalmente de volta. No entanto, o que fez mais mossa em Kokkinakis foram mesmo os problemas psicológicos. O talentoso jogador dos Antípodas confessou que teve de lidar com uma depressão que foi pior do que qualquer questão puramente física.

“Os piores momentos foram no fim de 2016 e em grande parte de 2017. Era incapaz de ver alguma coisa positivo e a única coisa que conseguia fazer era ficar fechado em casa e não parava de chorar sem nenhuma razão aparente. Sentia uma enorme angústia e não conseguia nem sair para ir caminhar”, confessou em entrevista ao ‘Ordineroli Speaking’.

Kokkinakis relata mesmo um episódio no qual teve uma crise de ansiedade. “Lembro-me de uma vez em que entrei num café e, ao sentir-me observado e rodeado de gente, fiquei muito ansioso e só pensava que tinha de sair dali rapidamente. O coração estava a mil e era incapaz de controlar os nervos”, recorda o australiano.

No entanto, o jogador garante que está bem e quer ajudar outros com o mesmo problema. “Não quero soar dramático porque já estou bem, mas quero deixar claro que a depressão é uma doença real, que te consome por dentro. A sensação é tão estranha e difícil de explicar que só quem já passou por isso o entende. Passei por muita dor física com as lesões, mas o mental é muitíssimo pior”, destacou.

Bola Amarela