Im-Pospisil is nothing! Vasek faz a exibição da sua vida a agrava a maldição de Murray em Indian Wells

Por admin - 12 Março, 2017

Está confirmado: em 2017… ninguém está a salvo. Depois de Novak Djokovic, no Australian Open, e de Roger Federer, no ATP 500 no Dubai, chegou a vez de Andy Murray perder um encontro diante de um adversário fora do top 100 esta temporada. O britânico de 29 anos, número um do ranking mundial, foi eliminado este sábado ao final da noite pelo canadiano Vasek Pospisil, antigo top 25 ATP mas atual 129.º, por 6-4 e 7-6(5), num encontro em que o antigo campeão de pares de Wimbledon fez uma das exibições da sua carreira.

Agressivo, esclarecido e aproveitando para atacar a rede sempre que possível, Pospisil foi muito eficaz diante de um Andy Murray que voltou a ter dificuldades diante de adversários com as caraterísticas do canadiano, tal como tinha acontecido nos oitavos-de-final do Australian Open, frente a Mischa Zverev.

O escocês agrava a sua crise de resultados em Indian Wells, de longe o pior torneio da sua carreira quando comparado com todos os outros Masters 1000 e Grand Slams. Esta é a segunda pior derrota da história dos Masters 1000 para um líder do ranking mundial, e a pior derrota de Murray desde que em 2011 perdeu com Donald Young, então 145.º ATP, na segunda ronda… de Indian Wells!