Halep explica porque despediu o novo treinador ao fim de uma semana

Por Nuno Chaves - 19 Fevereiro, 2019
simona-halep

Foi preciso apenas uma semana para Simona Halep despedir o seu novo treinador Thierry Van Cleemput. A romena afirmou não ter existido química dentro do court entre os dois e explicou ao site do WTA os motivos que o levaram a ficar novamente por si só.

“Sei que no início do ano não queria ter treinador e depois mudei de opinião, mas depois desta experiência dei conta que preciso de tempo e liberdade para pôr em prática o que aprendi com o Darren Cahill”, explicou a romena.

“Sinto-me tranquila, estou num momento da minha vida em que as prioridades mudam e sou muito responsável, vejo-me com capacidade para resolver os meus próprios problemas sozinha, tanto dentro como fora do campo”, garantiu a antiga número um mundial, que continua a contar com o resto da sua equipa técnica.

“Tive uma sensação estranha ao estar sem treinador, fiquei em pânico ao perder alguns jogos e tomei a precipitada decisão de contratar um treinador. Agora estou mais calma e vejo as coisas com otimismo. Estou muito satisfeita da forma como estou a jogar e olho para cada torneio sem qualquer tipo de pressão”, frisou Halep.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.