Djokovic: «Talvez a melhor final do Grand Slam que já joguei»

Por Bola Amarela - Janeiro 27, 2019
2019 Austalian Open

Novak Djokovic entrou na Rod Laver Arena, este domingo, a fazer valer os seis troféus conquistados durante os últimos 11 anos em Melbourne. Em pouco menos de duas horas, fez Nadal sentir-se totalmente deslocado num court a que o sérvio chama de casa, impondo-se por 6-3, 6-2 e 6-3.

Já depois de sentir novamente o peso ao troféu, o número um mundial saiu do court para receber o caloroso carinho do público australiano e brindá-lo com a dança da vitória.

Entre ágeis passos de dança, o sete vezes campeão do Open da Austrália celebrou o nível do seu jogo diante do rival que mais vezes encontrou no court. “Foi uma das, senão o melhor encontro que alguma vez joguei na final de um Grand Slam. Defrontar o Nadal é um desafio em todos os aspectos, é o meu maior rival, jgámos 56 ou 57 anos nos últimos 15 anos. Parece mentira que continuemos a jogar a este nível e a lutar pelos grandes títulos”.

Nunca Nadal tinha perdido uma final de um Grand Slam em três sets.

Bola Amarela