Djokovic sobrecarrega calendário para não deixar Nadal fugir

Por José Morgado - Dezembro 8, 2019
nadal_djokovic

Novak Djokovic, de 32 anos, vai entrar em 2020 como número dois do Mundo, atrás do líder Rafael Nadal, que voltou para o topo no final desta época. O sérvio decidiu sobrecarregar o seu calendário no início da temporada, com a disputa da ATP Cup (que tem pontos em disputa) e o ATP 250 de Adelaide, de forma não só a chegar muito rodado ao Australian Open — onde defende o título em 2.000 pontos — mas também porque tenciona não perder terreno na luta pela liderança do ranking mundial.

‘Nole’ entra em 2020 com 840 pontos de desvantagem em relação a Nadal e defende 2000 no mês de janeiro. Rafa, por seu turno, defende 1200, pelo que até pode aumentar a sua vantagem face ao sérvio caso as coisas na Austrália lhe corram melhor.

Com 16 títulos de Grand Slam — terceiro melhor da história nesse capítulo — Djokovic ataca já na próxima época o recorde de semanas como número 1 de Roger Federer. Tem 275, contra 310 do helvético. Pelo meio, Pete Sampras, com 286.

MAIS SEMANAS A NÚMERO 1

1. Federer, 310

2. Sampras, 286

3. Djokovic, 275

(…)

6. Nadal, 201* (e a contar…)

A mais de 3 mil pontos de Nadal e muito longe de Djokovic, Roger Federer, que defende apenas 180 pontos em janeiro, até tem chances de terminar o Australian Open… muito perto da liderança do ranking mundial, mas para isso precisaria de vencer a prova e que os seus rivais (especialmente Nadal) perdessem cedo.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.