Djokovic: «Senti-me tonto e fraco, mas o Karatsev foi incrível»

Por José Morgado - Abril 24, 2021
djokovic-belgrade

Novak Djokovic, número um do Mundo, foi surpreendido este sábado nas meias-finais do ATP 250 de Belgrado, capital do seu país e cidade onde nasceu, diante do russo Aslan Karatsev, num encontro fabuloso de quase três horas e meia.

O sérvio de 33 anos admitiu no final continuar descontente com o seu ténis, mas destaca a forma como conseguiu competir bem. “Não estou contente com o meu ténis, mas estou feliz pela forma como lutei. Ele jogou incrivelmente em todos os pontos de break que eu tive e mereceu vencer. Senti-me mal no terceiro set, muito tonto, fisicamente em dificuldades, mas ele foi incrível e dou-lhe todo o mérito.”

O herói local ainda não sabe se joga o ATP Masters 1000 de Madrid, dentro de uma semana. “Ainda não decidi. Não tenho planos. Estou um pouco cansado de fazer planos”, disparou.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.