Djokovic: «Esta é uma das melhores gerações da história do ténis»

Por José Morgado - Setembro 20, 2020
djokovic

Novak Djokovic, número um do Mundo, campeão de 17 títulos de Grand Slam e na luta pelo recorde de semanas no topo do ranking (está a 24 de Roger Federer), assumiu este sábado que o ténis vive uma geração de ouro, com três dos melhores jogadores da história e uma série de jogadores mais jovens a aparecer.

“No nosso desporto, o número de Grand Slams e semanas como número um, eu diria, são os dois principais objetivos ao longo de carreira, e acho que o Roger e o Rafa concordariam comigo. Todos temos percursos e trajectórias próprias, temos carreiras únicas, mas ao mesmo tempo vivemos um momento que nos permite estar juntos. É definitivamente uma das melhores gerações da história do ténis e eu sou grato por estar nesta era com estes dois jogadores. Agora também temos jovens, um novo campeão do Grand Slam como Dominic Thiem”, confessou à margem do torneio de Roma.

Djokovic assume que estes são tempos especiais. “Eu acho que é brutal para os fãs verem três jogadores a tentar chegar a níveis tão altos. Sempre que podemos jogar uns contra os outros, os encontros são verdadeiros clássicos, independentemente do local ou da hora. Sim, Federer está lesionado agora, espero que ele se recupere logo e também espero que Roland Garros possa ser jogado sem problemas. Sabemos que Nadal é o favorito, ele só perdeu duas partidas lá e tem um histórico impressionante”

Djokovic aponta Thiem como candidato a Paris. “Thiem também é candidato, já disputou duas finais lá. Se conseguir preparar-me bem, também gosto das minhas opções: a terra batida é a superfície que mais exige física e mentalmente no circuito, por isso tenho de estar muito preparado. Vamos ver.”

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.