Del Potro começa mais um tratamento numa clínica que já ‘salvou’ Djokovic e Federer

Por Pedro Gonçalo Pinto - Fevereiro 18, 2022

Será que Juan Martín Del Potro mantém mesmo o sonho de ainda voltar a competir? O argentino deixou a porta entreaberta depois do ATP 250 de Buenos Aires, no qual chegou a despedir-se dos adeptos. No entanto, também deixou a ideia de que ia tentar eliminar a dor do joelho direito, algo que enventualmente podia fazê-lo voltar a tentar, e deu os exemplos de Andy Murray Pablo Andujar.

Ora, a verdade é que, poucos dias depois desse encontro emotivo com Federico Delbonis, Del Potro já está na Suíça para fazer um tratamento diferente ao joelho direito, que o tem feito viver um calvário desde que partiu a rótula no Masters 1000 de Xangai em 2018. Depois de quatro intervenções cirúrgicas, o argentino vai agora fazer algo distinto para tentar limpar de vez esses problemas que tantas dores de cabeça têm dado.

Nesse sentido, Del Potro vai à ‘luta’ na Rennbahnklinik, em Muttenz, uma clínica que já teve um papel determinante na carreira de outras estrelas. Novak Djokovic Stefanos Tsitsipas foram lá operados ao cotovelo, ao passo que Fabio Fognini e o referido Pablo Andujar também recuperaram precisamente neste local. Igualmente Roger Federer passou pelas mãos dos profissionais desta clínica helvética, pelo que poderá haver aqui esperança renovada para Del Potro.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.