Berrettini explica lesão: «Médicos disseram-me que podia ficar muito pior»

Por Bola Amarela - Fevereiro 15, 2021

Muito azar para Matteo Berrettini, que se viu obrigado a desistir do Australian Open devido a lesão. O número 10 do mundo sofreu uma distensão muscular na zona abdominal e não conseguiu entrar em court para defrontar Stefanos Tsitsipas, algo que explicou depois em conferência de imprensa.

“Lamento muito dizer que me lesionei no meu último encontro. Senti algo nos abdominais. Pensava que não era nada de especial, mas quando acordei no dia seguinte já sentia que era grande. Fui falar com os médicos e eles disseram-me que podia ficar muito pior, por isso não valia a pena correr o risco. Claramente não estou a 100 por cento. Para derrotar estes jogadores é preciso estar a 100 por cento. Não é profissional entrar em campo quando não se está na melhor forma”, destacou, muito desiludido pela desistência.

O problema, garante Berrettini, estava a afetar tudo o que fazia em campo. “Estava a sentir isso especialmente no meu segundo serviço. Não sei porquê, não sei qual é a explicação, mas sentia também em algumas direitas, nas respostas e nas esquerdas no fim desse encontro. Não conseguia jogar. Tentei mesmo muito, mas não consigo jogar”, confessou.

Bola Amarela