Barty arrasa, vence Roland Garros e conquista o PRIMEIRO Grand Slam em singulares da carreira

Por Nuno Chaves - Junho 8, 2019
barty-campeã

Ashleigh Barty alcançou este sábado um dos momentos mais especiais da carreira. A australiana venceu na final de Roland Garros, a jovem Marketa Vondrousova por 6-1 e 6-3 e conquistou o primeiro Grand Slam da carreira em singulares.

Num encontro que se esperava bastante equilibrado, fruto de todo o talento que Vondrousova vinha demonstrado, cedo se percebeu que Barty entrou em campo para fechar – e depressa – o título.

Dominou por completo o rumo dos acontecimentos e perdeu apenas o seu serviço em uma ocasião duranto todo o encontro. Depois da conquista fácil do primeiro set, fez uma quebra de serviço logo no jogo inaugural do segundo parcial e, a partir daí, controlou o rumo das operações até final.

Este é o primeiro Grand Slam da carreira em singulares – o segundo no total, depois de ter vencido o US Open de pares em 2018 – e, com esta conquista, sobe até ao segundo lugar do ranking mundial, naquela que é a melhor classificação da carreira.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.