Apanha-bolas que estava por detrás de Harrison e Young nega qualquer tipo de racismo

Por admin - Fevereiro 15, 2018

O ATP World Tour está ainda a investigar os incidentes do encontro da primeira ronda do ATP 250 de Nova Iorque, que terminou com a vitória de Ryan Harrison sobre Donald Young. O mais cotado dos norte-americanos foi acusado pelo rival de lhe ter dirigido palavras insultuosas de teor racistas, mas Harrison aprontou-se a desmentir, dizendo que qualquer vídeo ou som provaria que estava a falar verdade…

Agora é a vez de um dos apanha-bolas presentes no momento vir falar do assunto. “Não houve qualquer menção à raça. Houve insultos e ameaças de agressão para depois do encontro. O Harrison gozou com a altura do Donald”, disparou o apanha-bolas.”