André Silva, brasileiro que trabalhou com Federer: «O mais difícil é o excesso de requisições»

Por José Morgado - 26 Julho, 2018

André Silva, brasileiro que trabalhou com Roger Federer na empresa que o suíço tem com o seu agente Tony Godsick — a Team 8 — lembrou em declarações ao ‘Globoesporte’ o tempo em que teve ligação direta ao suíço, mas também a outros dois jogadores de topo que então integravam a equipa de agenciamento de Federer: Grigor Dimitrov e Juan Martín Del Potro.

“O mais complicado com o Roger é o excesso de pedidos. Toda a gente quer entrevistas, trabalhos e coisas com ele. É preciso encontrar um equilíbrio, porque mais do que tudo ele tem de estar focado em jogar ténis, ganhar títulos e ser o campeão que é”, lembrou o atual diretor do torneio de Cincinnati.

André Silva lembra ainda os tempos em que viajou com Dimitrov e Del Potro. “São dois ótimos rapazes e desejo-lhes o melhor. Viajei muito com o Grigor, que é um tipo muito especial”.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.