Anderson respira de alívio: «O grande objetivo continua a ser conquistar um Grand Slam»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Julho 19, 2021
kevin-anderson

Quase três anos depois, Kevin Anderson voltou a celebrar a conquista de um título no ATP Tour. O gigante sul-africano bateu o norte-americano Jenson Brooksby em Newport e garantiu o regresso ao top 100, posicionando-se agora no 74.º posto da hierarquia mundial masculina. No entanto, mesmo com 35 anos, Anderson não tem medo de sonhar e mantém a ambição num ponto muito alto. Até porque, no fim de contas, falamos de um tenista que já foi número 5 do mundo e que chegou à final de um Grand Slam por duas vezes.

“O grande objetivo continua a ser conquistar um Grand Slam e um Masters 1000. Fiquei perto já numas vezes, mas enfrentei adversários muito duros. São os tipos que é preciso derrotar. Estive a bater à porta, fui top 5 do mundo, mas o meu ranking caiu e agora sou um jogador diferente. Ainda tenho muita crença em mim, mas tenho de entender que o caminho é diferente. Estou mais perto de onde devo chegar e estou muito entusiasmado”disse depois de conquistar o título na relva de Newport.

Kevin Anderson não esconde que os últimos anos têm sido particularmente complicados, pelo que ainda dá mais valor ao que está a conseguir recuperar. “Às vezes é muito desafiante fora das câmeras. As últimas semanas foram sinuosas e houve tempos em que precisei de confiar na minha equipa e na minha família para me fazerem acreditar que ainda não estou acabado. Ainda quero alcançar muita coisa. Ter semanas como esta, em que vences o título, dá-te mais confiança e rejuvenesce-te. Desde Wimbledon sinto que endireitei o barco”apontou.

Por outro lado, este título de Newport trouxe um ingrediente especial. “Foi a primeira vez que celebrei um título com a Kelsey e com a nossa filha Kiera, por isso foi memorável. Ela estava mais interessada em correr na relva e tirar fotografias. Espero que seja o primeiro de muitos que ainda vão chegar!”rematou.

Pedro Gonçalo Pinto