Que seleções vai Portugal encontrar no Grupo I? Em casa ou fora?

Portugal cumpriu este fim-de-semana em Viana do Castelo o objetivo de regressar no próximo ano ao Grupo I da Zona Europa/África da Taça Davis, do qual saiu em 2014. E agora? Quem são as seleções que a formação portuguesa poderá encontrar no próximo ano? Quais as possibilidades de jogar perante o nosso público ou fora de portas?

Para já, estão confirmadas 10 seleções no Grupo I, incluindo Portugal, às quais se vão juntar as formações que vencerem os confrontos Lituânia-Eslovénia e Dinamarca-Suécia, agendados para o fim-de-semana de 30 de outubro a 1 de novembro. As equipas derrotadas desses duelos descem ao Grupo II, de onde Portugal acaba de sair.

Garantido está que o Grupo I vai contar com um total de 12 seleções em 2016, o que confirma que as quatro equipas cabeças-de-série têm um bye. Espanha, como primeira pré-designada, não poderá defrontar Portugal na primeira ronda, por exemplo.

As equipas, ordenadas com o ranking atual (local do eventual confronto com Portugal – na perspetiva nacional):

  1. Espanha (sorteio)
  2. Eslováquia (casa)
  3. Holanda (casa)
  4. Rússia (casa)
  5. Áustria (casa)
  6. Israel (sorteio)
  7. Ucrânia (casa)
  8. Roménia (fora)
  9. Eslovénia (casa)/Lituânia (fora)
  10. Dinamarca (fora)/Suécia (sorteio)
  11. PORTUGAL
  12. Hungria (fora)

O sorteio realiza-se esta quarta-feira, no Chile.