INÉDITO. Del Potro vence longa batalha com Federer em Indian Wells e vence primeiro Masters 1000

Nunca é tarde para vencer aquele que é um dos maiores títulos da carreira, e logo após uma grande batalha. Juan Martin del Potro derrotou na tarde deste domingo o número um do mundo, Roger Federer, por longos 6-4, 6-7 e 7-6 na final do BNP Paribas Open, em Indian Wells, e conquistar assim um inédito Masters 1000 na carreira. O argentino dominou totalmente o tiebreak da última partida e derrotou o adversário suíço apenas pela 7.ª vez em 25 encontro.

O encontro não se esperava nada fácil para nenhum dos jogadores mas foi o campeão do US Open de 2009 o primeiro a adiantar-se no marcador depois de conseguir um break de serviço em branco, um raridade nos jogos de Roger Federer. A verdade é que foi esse break que permitiu a Del Potro segurar a contenda e levar a primeira partida de vencida ao cabo de 35 minutos, deixando os fãs do número um alarmados e preocupados.

‘Equilíbrio’ foi mesmo a palavra-chave deste encontro. Mesmo quando o jogador argentino tentava fazer das suas, e muitas vezes conseguiu mesmo, Roger Federer mantinha-se atento e concentrado no objetivo: vencer Indian Wells pela sexta vez. O segundo set foi conquistado pelo veterano depois de 18 pontos disputados durante todo o tiebreak, e só depois de Federer ter já desperdiçado seis set points. Del Potro estava um osso duro de roer.

Foi nesta altura que os ânimos se exaltaram um pouco entre Fergus Murphy e Del Potro, devido ao barulho do público entre serviços, e ainda com Roger Federer, por desacordos nas decisões da arbitragem. Enquanto o árbitro fazia o seu melhor neste dia difícil, os jogadores continuavam a trocar bolas incessantemente. Federer teve uma oportunidade de ouro de levantar o troféu quando serviu para a conquista do encontro a 5-4, jogo no qual teve três match points, todos muito bem salvos pelo sul-americano. Hoje, a história escrever-se-ia a azul e branco.

E foi então que, ao fim de 2h45 e de um tiebreak no qual o suíço apenas venceu dois pontos, que Juan Martin del Potro era coroado campeão do Masters 1000 de Indian Wells, vencendo o segundo troféu da temporada e o 22.º na carreira.

Sobre o autor
- Licenciado em Jornalismo na Escola Superior de Comunicação Social, em Lisboa. Jornalista da GQ Portugal e colaborador do Bola Amarela desde novembro de 2011, pouco tempo depois de começar a seguir mais atentamente o mundo do ténis. Pretende nunca mais parar.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.