Há dois anos, Djokovic saía de Paris com mais 15 mil pontos…

Como as coisas mudam… em tão pouco tempo. Novak Djokovic, antigo número um mundial, está a viver uma das fases mais difíceis da carreira e os números vêm provar isso mesmo. Há dois anos, Djokovic tinha conquistado por esta altura o tão desejado título em Roland Garros, o que lhe fazia sair de Paris com um total de 16950 pontos, sendo o líder destacado do ranking ATP.

Atualmente o sérvio, derrotado nos quartos-de-final de forma surpreendente frente Marco Cecchinato está no 21.º posto deixando França… com 1665 pontos, praticamente menos 15 mil (!) em comparação com 2016.