Vandeweghe: «Quem critica nas redes sociais são os cobardes»

CoCo Vandeweghe teve uma temporada de sonho em 2017. A norte-americana chegou a duas meias-finais de Grand Slam, esteve na final do Masters B de Zhuhai e acabou a temporada no top 10, sob a orientação técnica do australiano Pat Cash, antigo campeão do US Open.

Mas os bons resultados de Vandeweghe não a impedem de sofrer na pele o habitual ‘bullying’ online por parte de alguns fãs mais revoltados, em especial apostadores. A norte-americana tem uma resposta agressiva para eles. “As pessoas que criticam nas redes sociais, atrás de um teclado, são apenas cobardes. Eu não respondo porque isso seria estar a dar valor ao que elas comentam. Simplesmente nem merecem resposta nem merecem ter uma voz na minha vida”.

CoCo Vandeweghe integra a equipa norte-americana que vai disputar a final da Fed Cup diante da Bielorrússia a partir deste sábado, em Minsk.

 

Sobre o autor
-

Artigo escrito ou editado pela equipa de redação.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *