Jelena Dokic conta como chegou a dormir em Wimbledon com medo do pai

Jelena Dokic, antiga top 10, continua a revelar alguns episódios da sua relação tumultuosa com o seu pai, Damir, que terá agredido violentamente a sua filha durante boa parte da sua carreira, no início deste século.

“Tinha 16 anos e cheguei às meias-finais de Wimbledon. Perdi com a Davenport, mas aquele deveria ser o dia mais importante da minha vida. Mas não foi. O meu pai achou que eu tinha sido uma desgraçada e não me deixou voltar para o hotel. Tive de dormir no clube”, confessou a australiana, que nessa altura representava a Jugoslávia.

Sobre o autor
-

Artigo escrito ou editado pela equipa de redação.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *