Bouchard: «Este ano foi o pior da minha carreira»

Eugenie Bouchard, antiga top 5 mundial (em 2014), admitiu esta segunda-feira que viveu em 2017 uma temporada… para esquecer: mais derrotas do que vitórias e uma descida até às profundezas da segunda metade do top 100. Aos 23 anos, a antiga número mundial de juniores assume as dificuldades.

“Foi o pior ano da minha carreira profissional e estou muito desapontada pela má imagem que mostrei. É óbvio que tive algumas lesões, que me afetaram a confiança, mas agora já só penso em fazer um 2018 muito melhor”, admitiu a canadiana em entrevista ao ‘Montréal Gazzette’.

Sobre o autor
- Artigo escrito ou editado pela equipa de redação.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *