Problemas nas costas atiram Caroline Garcia para fora de jogo

As desistências por culpa de lesões continuam a assombrar este início de 2018, e não apenas no circuito masculino. Em Brisbane, Austrália, Caroline Garcia foi obrigada a abandonar o seu confronto diante da sua compatriota Alizé Cornet, referente à primeira ronda, devido a problemas nas costas.

A número oito mundial começou por vencer o primeiro set por 6-3, mas perdeu o segundo por 3-6, não estando em condições de jogar a derradeira partida. “Sempre tive problemas nas costas”, disse Garcia no final do encontro.

“Com o voo, as costas ficaram um pouco mais doridas do que o normal, mas sentia-me bem. No início do encontro senti uma dor na parte de baixo das costas diferente do normal. Foi ficando cada vez pior, e no final não me conseguia mexer. Não havia forma de continuar”, explicou a gaulesa de 24 anos, que não conseguiu conter as lágrimas no momento em que subiu à rede para se despedir da prova australiana.

Segue em frente Cornet, finalista do ano passado, que vai defrontar Marjana Lucic-Baroni na segunda ronda. “Sinto muito pela Caroline”, disse a francesa durante a entrevista em court. “Sei o que é ter dores nas costas. Espero que ela recupere para o Open da Austrália”.

Quem também deu um passo em frente nesta madrugada de domingo, último dia do ano, foi Anastasija Sevastova, número 16 mundial, ao derrotar a australiana Sam Stosur, por 6-1 e 6-3.

Sobre o autor
-

Descobriu o que era isto das raquetes apenas na adolescência, mas a química foi tanta que a paixão se mantém assolapada até hoje. Pelo meio ficou uma licenciatura em Jornalismo na Escola Superior de Educação de Viseu e um Secundário dignamente enriquecido por cadernos cujas capas ostentavam recortes de jornais de Lleyton Hewitt. Entretanto ganhou (algum) juízo, um inexplicável fascínio por esquerdas paralelas a duas mãos e um lugar no Bola Amarela. A escrever por aqui desde dezembro de 2013.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *