Um ano e meio depois, Bouchard volta às ‘meias’ de um WTA e depois recebe notícia agradável

Eugenie Bouchard, antiga top 5 do ranking mundial entretanto caída em desgraça (desportiva), está de volta às rondas finais em torneios do circuito WTA. A canadiana de 24 anos, finalista de Wimbledon em 2014, apurou-se esta sexta-feira para as meias-finais do torneio de Gstaad, as suas primeiras desde janeiro de 2017 (Sydney) no circuito WTA, e este sábado tentará voltar a uma final ao fim de 28 meses.

Com uma exibição de qualidade, a melhor tenista canadiana da história derrotou a jovem russa Veronika Kudermetova, recentemente em boa forma, por 7-5 e 6-0, perdendo apenas seis (!) pontos em toda a segunda partida. Bouchard vai defrontar Sam Stosur ou Alizé Cornet nas meias-finais.

Minutos depois de voltar às meias-finais de um WTA, Bouchard ficou a saber que vai poder competir com entrada direta no quadro principal do maior torneio de ténis do seu país, a Coupe Rogers, em Montréal. A canadiana recebeu um wild card para o quadro principal. Bouchard até já sabe que vai jogar o seu primeiro encontro na sessão diurna de segunda-feira.