NÃO DEU. Gil e Oliveira perdem final de pares do Lisboa Belém Open

O título fugiu… aos jogadores portugueses. Fred Gil e Gonçalo Oliveira procuravam o primeiro título em torneios internacionais enquanto dupla, mas acabaram derrotados na final de pares do Lisboa Belém Open, prova de categoria challenger a decorrer no CIF, Restelo, até este domingo.

Num encontro resolvido em 71 minutos e disputado sob um calor tremendo, Gil e Oliveira foram ultrapassados pelo indonésio Christopher Rungkat e o sul-africano Ruan Roelofse, pelos parciais de 7-6(7) e 6-1. O par português ainda dispôs de quatro set points na primeira partida, mas não conseguiu manter o nível na segunda partida.

Gil estava em busca do seu oitavo título da carreira na variante em provas de nível challenger, primeiro desde 2011, quando se sagrou campeão do torneio de São José do Rio Preto, no Brasil, ao lado do checo Jarloslav Pospisil. Quanto a Oliveira, o portuense disputou a sua primeira final do currículo em eventos desta categoria.

Depois de uma excelente semana em Portugal, Gil e Oliveira despedem-se definitivamente da primeira edição do Lisboa Belém Open. Gil vai manter-se, a partir desta segunda-feira, em solo nacional, competindo no Open de São Domingos, prova de categoria future, ao passo que Oliveira viaja agora até à Hungria para jogar o torneio future de Budapeste, dotado de 25 mil dólares em prémios monetários.

Foto: Lisboa Belém Open
Sobre o autor
- Licenciado em Ciências da Comunicação - vertente de Jornalismo - pela Universidade Autónoma de Lisboa. Ténis é a minha vida. Colaborador do site Bola Amarela desde Dezembro de 2011.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.