Smyczek baralhou os e-mails e em vez de jogar Wimbledon foi parar a um Challenger

É caso para se dizer que Tim Smyczek não teve a sorte do seu lado. O tenista norte-americano, atualmente no 113.º posto do ranking mundial, falhou a fase de qualificação do torneio de Wimbledon por um motivo… peculiar. O jogador de 30 anos baralhou dois e-mails e, em vez de jogar o qualifying do Grand Slam londrino, acabou por disputar o Challenger de Winnetka.

Tudo porque não reparou no e-mail, enviado pelo seu agente, que permitia as inscrições para a fase de qualificação. Como não conseguiu estar na prova britânica, o antigo top 100 acabou por jogar o Challenger de Winnetka e acabou por perder logo na ronda inaugural em três partidas. Smyczek admitiu que foi uma situação que nunca tinha vivido. “Tenho a certeza de que é a primeira vez que me acontece. É uma forma complicada de se aprender”, referiu, em declarações recolhidas pelo New York Times.