Rocha e Luque eliminados no Masters de Barcelona

A caminhada de Diogo Rocha e Antonio Luque no Barcelona Masters foi travada esta terça-feira pelos espanhóis Pablo Lijó Santos e Guillermo Lahoz, ambos colocados no top-25 do ranking do World Padel Tour.
O encontro não se previa fácil para o par luso-espanhol, apesar de ser a estreia de Lijó e Lahoz como dupla, e o resultado de 6-4 e 6-1 reflete a superioridade e o favoritismo dos adversários. Guillermo Lahoz ocupa a 20ª posição na hierarquia mundial e o seu parceiro Pablo Lijó Santos, que havia desistido do Lisboa Challenger por motivos de saúde, figura no 24º posto, enquanto Diogo Rocha é 63º colocado e Antonio Luque é 50º.
“No primeiro set, tivemos 4-4 com 15-40, ou seja dispusemos de dois pontos de break. Infelizmente não aproveitámos. Depois também tivemos pontos para o 5-5… e eles fecharam o set. Na segunda partida, eles jogaram muito bem e não tivemos hipóteses”, conta o jogador natural do Porto, revelando ter a dupla adversária mostrado “um bocadinho de insegurança no primeiro set”, natural de quem joga pela primeira vez juntos. Aliás Diogo Rocha e Antonio Luque estão a fazer apenas o segundo torneio juntos e, apesar da derrota no Real Club de polo de Barcelona, onde está a decorrer o segundo Masters da temporada, o jogador do Team FPP garante que “as sensações são boas”. “Sentimo-nos bem, mas só com tempo dará para nos sentirmos a 100 por cento”, acrescenta.
Após o Barcelona Masters, o próximo desafio de Diogo Rocha e Antonio Luque é o Madrid Challenger, no San Sebastián de Los Reyes, já a partir de 11 de junho.