Rakitic: «Se Messi fosse tenista teria 50 títulos do Grand Slam»

Ivan Rakitic, futebolista internacional croata que é companheiro de Lionel Messi no FC Barcelona, é um confesso fã de ténis — costuma acompanhar alguns encontros nos torneios espanhóis sempre que pode — e usou uma paralelismo (sempre perigoso) com o ténis para elogiar o internacional argentino.

“O Messi é o melhor do Mundo e naturalmente desejei-lhe sorte para o Mundial, como desejei a todos os meus companheiros. Ele merece ser campeão do Mundo e penso que ofereceria uns títulos que ganhou no Barcelona para ganhar o Mundial pela Argentina. Se ele fosse tenista, teria 50 títulos do Grand Slam, mas o futebol não é individual, é coletivo”, confessou o croata em entrevista ao seu jornal local ‘Vecernji List’.

Tudo isto numa semana em que Juan Martín Del Potro e Diego Schwartzman, dois argentinos, estão nos quartos-de-final de Roland Garros e até podem encontrar-se numa possível meia-final.