Quartos de final proporcionam algumas surpresas no Lisboa Challenger

Já são conhecidas as quatro duplas apuradas para as meias-finais da terceira edição do Lisboa Challenger, prova de categoria Challenger do World Padel Tour organizada pela Lagos no Centro de Ténis de Monsanto.

Os quartos de final proporcionaram, contudo, algumas surpresas, nomeadamente com a eliminação da dupla Lahoz/Piñero e a caminhada triunfal do par estreante em Lisboa, formado por Ernesto Moreno Carrasco e Gonzalo Rubio, e da parceria de circunstância de Nacho Gadea e Álvaro Cepero.

Mas a jornada do dia arrancou precisamente com o triunfo nos quartos de final de Uri Botello e Javier Ruíz, que bateram os brasileiros Lucas da Cunha e Lucas Campagnolo, por duplo 6-4, para garantir a segunda meia-final consecutiva no World Padel Tour, após feito idêntico no Challenger de Madrid na última semana.

Tal como Uri Botello e Javier Ruíz, a parceria de recurso de Nacho Gadea e Álvaro Cepero, que uniu esforços apenas para o torneio português e obriga Cepero [campeão da Europa e do Mundo de Pares] a jogar à esquerda, quando é jogador de direita, não poderia estar a resultar melhor. Diante Marcello Jardim e Agustína Tapia, a dupla responsável pela eliminação de Miguel Oliveira e Pincho Fernandez nos oitavos de final, o par espanhol revelou-se extremamente eficaz e assegurou a passagem às meias-finais, pelos parciais de 7-6 e 6-3, assumindo-se como um forte candidato ao título.

Ao contrário de Gadea e Cepero, Ernesto Moreno Carrasco e Gonzalo Rubio estão a iniciar um projeto em conjunto no Lisboa Challenger e, até ao momento, só somam vitórias, tendo conquistado o passe para as meias-finais ante Jerónimo Luque e Javier Barahona, por 6-3 e 7-7.

Num contexto contrário aos restantes favoritos, Guillermo Lahoz e Martín Piñero provocaram a maior surpresa dos quartos de final com a eliminação imposta por Rafael Méndez e Diego Ramos, pelos parciais de 6-2 e 6-4.

As meias-finais, agendadas para as 16h e 17h30, vão colocar frente a frente Uri Botello/Javier Ruíz-Nacho Gadea/Álvaro Cepero e Ernesto Moreno Carrasco/Gonzalo Rubio-Rafel Méndez/Diego Ramos.