Presidente do ATP: «Estou a ser acusado de querer destruir o ténis»

As novas regras implementadas na semana passada, no ATP Finals da Next Gen, realizado em Milão, continuam a dar que falar. Chris Kermode, presidente da ATP e responsável por introduzir as regras da discórdia, tem sido o principal alvo de quem vê com cara de poucos amigos as mudanças que podem chegar ao circuito profissional dentro de alguns anos.

“Recebi muitos e-mails a acusarem-me de destruir o jogo, mas não tenhamos pressa, as regras não vão ser implementadas agora, vamos perceber o que funciona melhor e no próximo ano vamos introduzir mais mudanças no torneio [Next Gen Finals]”; disse Kermode aos jornalistas em Londres, onde decorre esta semana o ATP Wolrd Tour Finals.

“A ideia é perceber como adaptar o ténis às gerações futuras e tentar que as coisas funcionem da forma certa”, explicou o presidente do circuito masculino, aproveitando para fazer uma antevisão da próxima época. “Acho que o próximo ano será um dos melhores da história, podemos ver se Federer, Nadal, Djokovic e Murray ou Wawrinka continuam em forma e se os mais jovens vão finalmente sobressair”.