Pedro Sousa sobre próximo oponente: «Está em boa forma, mas eu também!»

Pedro Sousa está de regresso à segunda ronda da fase de qualificação de Roland Garros e é na derradeira eliminatória que vai centrando as suas atenções, esperando repetir as façanhas do ano passado e de 2012. O seu próximo obstáculo é o argentino Marco Trungelliti (191.º ATP), jogador com quem perdeu na primeira ronda do Challenger de Marbella, há cerca de um mês, mas que diz não ter razões para temer.

“Já me ganhou este ano, está em boa forma, mas eu também!”, disse, ao Bola Amarela, o lisboeta de 29 anos, recentemente campeão no Challenger de Braga. “É um grande jogador, mas vou dar o meu melhor para passar mais uma ronda aqui”, garantiu o número três nacional e 120 mundial, que esta segunda-feira superou um duro primeiro teste na terra batida gaulesa.

“Foi um jogo bastante difícil, como mostra o resultado. Ele é um jogador com um grande serviço e tem pancadas muito fortes. Tentei manter os pontos longos, porque era aí que ganhava vantagem, mas nem sempre foi fácil. Felizmente, no final, consegui jogar mito bem e fechar o encontro”, analisou Pedro Sousa.