Murray pondera deixar a HEAD por causa de Sharapova

Andy Murray, número dois mundial, voltou a mostrar esta segunda-feira toda a sua desilusão e espanto pela atitude da HEAD, que decidiu renovar o contrato de patrocínio com a russa Maria Sharapova após o anúncio de que a antiga número um mundial havia controlado positivo durante o Australian Open.

Depois de não confessar entender a razão pela qual a marca havia tomado essa decisão numa altura como esta, Andy Murray confessou mesmo estar a pensar deixar a marca de raquetas na sequência desta situação. “É algo possível. Ainda não parei muito bem para pensar nessa situação, mas é uma clara possibilidade”.

Murray, que foi eliminado na terceira ronda de Indian Wells frente ao argentino Federico Delbonis, voltou a falar de forma muito clara sobre os recentes controlos positivos à substância Meldonium (cinco coisas a saber sobre a substância), acusada por Maria Sharapova. “Sei que cerca de 100 atletas já foram apanhados com isso. O assunto ainda tem muitas coisas por esclarecer e vamos ver como correm os próximos meses.”