Jurgen Klopp admite: «Boris Becker sempre foi o meu ídolo»

Jurgen Klopp, técnico alemão que orienta atualmente a formação do Liverpool – que vai disputar este mês as meias-finais da Liga dos Campeões de futebol – admitiu esta segunda-feira que durante a juventude teve sempre mais jeito para jogar ténis… do que futebol, até porque o seu ídolo é o maior jogador de ténis (masculino) da Alemanha.

“O futebol é a minha vida, mas quando era jovem tinha muito mais jeito para o ténis. O Boris Becker sempre foi o meu ídolo”, revelou Klopp, que nos últimos anos se converteu num dos mais bem sucedidos (e populares) treinadores de futebol do Mundo.